fbpx
Quando um Paciente está apto para a Cirurgia Bariátrica da parte Psicológica?

Quando um Paciente está apto para a Cirurgia Bariátrica da parte Psicológica?

É realizada uma avaliação psicológica dos pacientes indicados pelos médicos para procedimento cirúrgico e inclui, no mínimo, três entrevistas psicológicas e uma sessão devolutiva. O objetivo principal é observar o estado psíquico em que o paciente se encontra, ou seja, se o mesmo se encontra vinculado à realidade ou não, como ele optou pela cirurgia e se já passou por outros tratamentos clínicos antes do cirúrgico. É importantíssimo que tenha participado das reuniões abertas (Palestras) com pacientes operados, que irão operar, seus familiares e com os profissionais envolvidos. O consentimento e apoio familiar são muito importantes. O atendimento dos familiares é utilizado para orientação de como podem ajudar o paciente no processo pós-operatório, apresentando uma atitude afetiva e colaborativa.

O paciente recebe uma orientação e preparação para o procedimento cirúrgico onde tentamos desenvolver um comportamento assertivo frente à cirurgia, pós-operatório e dieta líquida para favorecer sua recuperação e melhorar sua colaboração junto ao trabalho médico e nutricional – foco na mudança de comportamento alimentar.

Contra Indicações Psicológicas para Cirurgia Bariátrica

Pacientes portadores ou potencialmente mais sujeitos a distúrbios psicológicos graves com histórico de tratamento psiquiátrico seguido de internação ou que fazem uso de medicações que alterem a consciência do ¨eu¨. Também não deve ir para a cirurgia psicóticos, deprimidos graves, usuários de drogas ou álcool, portadores de bulimia ou anorexia.

(Psicóloga Lilian Landin)

Deixe uma resposta

Fechar Menu